“Planto flores no caminho para que não me faltem as

borboletas. Foram elas que me ensinaram que o casulo

não é o fim. É o começo."

Day Anne


12 de set de 2012

Caminhando, sempre!




Como o Renato Russo, "eu rabisco o sol que a chuva apagou" - e sigo em frente, porque tenho onde chegar e é pra lá que eu vou!!

8 comentários:

R. R. Barcellos disse...

Quando a chuva faz as pazes com o sol, eles se amam. E nasce o arco-íris...

Beijos, Poesia.
Continue voando, borboleta.
A gente se encontra lá, onde mora esse filho da chuva e do sol. Beijos.

Sueli Gallacci disse...

Que lindo Denise!

Podemos rabiscar o sol que a chuva apagou e desenhar um arco-íris ao final de cada tempestade. Somos mulheres, bravos seres na arte do recomeço...

Bjo grande amiga!
sg

Toninhobira disse...

Pefeito Denise.
Que seja para onde tenha Sol para dourar seus dias de alegrias.
Abraço de paz e luz.
Bjo.

Milene Lima disse...

Então se assim é, quero ser contaminada por esse seu pensamento tão lindo.

Que se cumpra!
Beijo, galêga.

Denise disse...

Que lindo, Rodolfo!

A gente precisa traçar metas, ainda que desconheça o caminho, porque, de alguma maneira, encontraremos o que buscamos...parece clichê, mas Augusto Branco definiu isso bem:
"Bom mesmo é ir à luta com determinação,
abraçar a vida com paixão,
perder com classe
e vencer com ousadia,
porque o mundo pertence a quem se atreve
e a vida é muito para ser insignificante"

Eu concordo!

Bjos, meu Poeta querido!

Denise disse...

Pois e não é, Sueli??...rsrs
Mesmo quando não temos boa disposição para as mudanças, a impermanência das coisas se encarrega de nos fazer andar...já prefiro acompanhar o fluxo do que me deixar arrastar pelos ventos a que resisto... rsrs

Um beijo, ótimo fds pra vc!

Denise disse...

Se somos nós quem decide o caminho, arquitetos desse templo que queremos habitar, devemos observar os melhores caminhos - e nos preparar para eventuais desvios ou intempéries...o que escolhermos viver...né?

Que haja sempre muita luz e calor pra acolher amigos nesse lugar encantado e feliz!
Abração!

Denise disse...

Os bons pensamentos são compartilhados como os outros, que bom poder escolher em quais mergulhar, né Mi??

Vambora, então..."caminhando e cantando e seguindo a canção...quem sabe faz a hora, não espera acontecer....""
Bjos, moça querida!