“Planto flores no caminho para que não me faltem as

borboletas. Foram elas que me ensinaram que o casulo

não é o fim. É o começo."

Day Anne


Meus Amigos Tecem:





Em um comentário poético, o Mago deixou este mimo pra mim:

Tu és -

Tu és causa e conseqüência de ti mesma.
Por isso:
És amor maior a cada dia.
És paz e serenidade que cresce.
És Poesia, és Beleza, és Mulher.
E segues teu caminho luminoso
Espalhando a esmo gotas de felicidade
(sim, sementes de teu ser).
Sem escolher o solo onde caem;
E eu tenho recebido alguns respingos,
E tu brotas em mim,
E eu vivo em ti.


* * *

Comentando minha saudação a 2013, Rodolfo rimou meus propósitos assim:

BAGAGEM DE MÃO
PARA A TRAVESSIA DE 2013

Amor, familia e netos,
Capacidade em perdão,
Sonhos, amigos, afetos,
Foco nas metas, ação;

Fé e curiosidade,
Entrega e contemplação,
Com disponibilidade
Para a resignação;

Abraços, silêncio, ousadia,
Bom senso, indignação,
Bom humor, sabedoria,
Entrega e gratidão;

Deus, memórias, esperança,
Suave reconhecimento,
Delicadeza, confiança,
E muito discernimento!


30/12/12




* * *


21/03/2012
Aqui Rodolfo me mimou com esta jóia:



TROVA PARA UMA MULHER-POESIA


(para Denise)


Tu dizes não ser poeta

Mas não te fuja a alegria:

Tu és a musa completa,

Tu és a própria Poesia.

Rodolfo Barcellos


* * *

"Tu és a mulher-poesia,
És a voz de uma canção
Cantando a rima vadia
Que encanta meu coração!"

Rodolfo, no Sete Ramos



* * *

Ao beijar teu coração
Vi um casulo aberto.
Onde voa a borboleta?
Voa em busca da canção;
Baila num sonho desperto,
Voa com destino certo,
Para a luz, para a amplidão!
Rodolfo Barcellos
* * *

Uma sextilha:

nas correntezas da vida
não adianta remar
contra a corrente, querida,
nem a ela se entregar;
nos remoinhos da vida
é preciso navegar...

RRBarcellos

* * *

Não tenho mãos a medir
Pro abraço que quero dar
E a ti retribuir
Esse carinho sem par;
Então, vou só te abraçar
E em meus braços te apertar
Para teu calor sentir.

R. Barcellos


* * *

De tua alma é o retrato,
De teu coração, o texto;
A teus dois Pais eu sou grato
Porque me deste, de fato,
Pra este verso o pretexto...

Beijo, Denise.
R.R.Barcellos

  * * *


E mais este carinho do Mago das Palavras: 


Tu te enganas, princesa,
Pois a verdade surpreende:
Ao ver a tua beleza,
É o mar que a ti se rende!

R. R. Barcellos
13/11/2011

* * *


Não são portas nem janelas;
São os olhos de tua alma
Contemplando coisas belas
Neste momento de calma;
São luzes, canções, amores,
Carícias, perfumes, cores,
Pintadas em aquarelas...

22/11/11


* * *


Pra começo de conversa,
É bom ser feliz sem pressa
Porque assim não demora,
E a gente não tropeça,
E não acaba depressa;
E se não der pra ser agora
Que tal dentro de uma hora?
Meia hora? Tamos nessa...
Isso é tudo que interessa;
Não vamos ficar de fora
Nessa hora, ora essa...
Vamos, que tá bom à beça!
R.R. Barcellos

* * *

- Senhor! Vence a minha luta!

- Aquece-me, Deus, no frio!

- Senhor, meu silêncio escuta!

- Preenche, Pai, meu vazio!


* * *


- A tessitura da vida
- É feita de sentimentos
- Sejam em longa medida,
- Sejam por breves momentos.
R. R. Barcellos
Maio 2011


* * * 




Onde tudo começou, a 18 de fevereiro de 2011

R. R. Barcellos disse...

- Não adianta mudar,
- Pois seu aroma é só seu.
- Já peguei a sua pista;
- Te perSIGO até o Céu!

- Sou cão rafeiro teimoso,
- Sabujo farejador;
- Ganindo por um carinho,
- Um cafuné, por favor...