“Planto flores no caminho para que não me faltem as

borboletas. Foram elas que me ensinaram que o casulo

não é o fim. É o começo."

Day Anne


28 de set de 2011





Se você abrir, vai encontrar todo meu carinho.
Se parecer que é pequena a caixa,
lembre o tamanho de um coração...


Parabéns, Mi!








12 comentários:

Regina Rozenbaum disse...

Ah que minha Mi_nina faz ideia do tamanho desse seu coração...O carinho é imenso (eu bem sei)que não caberia em caixa alguma. E nossos desejos pra ela, jorram daqui, dali e acolá. FELIZZZ NATAL Mi_nina Ternura amaaada nossa!
Beijuuss, irmiga, delicados como seu presente n.a.

Denise disse...

Pois é Rê, mas vc já parou pra pensar que no coração cabe um mundão? E nem aperta, sempre tem espaço pra mais, mais e mais...é onde se encaixam os amigos que vão chegando...esta nossa Mi_nina já se acomodou ali e aquece o cantinho onde mora, sabe como?

Sou feliz por tê-la conhecido, que ela seja imensamente feliz!!!
Bjãozão, irmiga, um dos elos fortes que une essa corrente do bem_querer!

She disse...

Ah que carinho mais fofo! ;)
Bjo, bjo!
She

Milene Lima disse...

Pois é, a gente muitas vezes cria conceitos em relação aos outros sem ao menos ter alguma proximidade. Já sai logo moldando perfis, literalmente preconceituando e assim adia amizades que poderiam já ter trilhado um caminho mais longo. Foi assim que fiz contigo. Via por aí os comentários sempre carinhosos, a gentileza e elegancia peculiares, mas pensava: Essa guria deve ser séria pra dedéu, vou oferecer meu jeito bagaceira a ela não...

E não é que fiquei rosadinha de engano?

Ainda bem! A moça linda do Tecendo Ideias é um ser humano dos mió que há. Rêzininha não exagerou em nada e eu agora estou contente por partilhar dessa amizade.

Denise, obrigada... Sei bem que este embrulho traz apenas um fragmento de todo o carinho a mim dedicado.

Estamos aí... Caminharemos juntas.

Beijo!

pensandoemfamilia disse...

Bonita homenagem. bjs

R. R. Barcellos disse...

Ah, eu conheço essa caixinha. Ela é daquelas que o mágico abre no palco e tira de dentro mil buquês e ramalhetes para enfeitar toda a ribalta e ainda jogar para o público. E a Milene merece...
A sua parece até menor por fora, mas nós já sabemos a imensidão de amor que cabe aí dentro!
"E eu fico embasbacado
Na fila do gargarejo,
Semi-hipnotizado,
Querendo te dar um beijo!"

Ivana disse...

Parabéns pra sua amiga, Mi. Que ela seja sempre muito feliz. Bjs

Denise disse...

Dar carinho é o mesmo que receber, She...eu amo!

Bjão, amiga!

Denise disse...

Mi, talvez o tempo não tenha sido desperdiçado, tudo acontece na hora certa, do jeito que precisamos viver.

Eu tb fico feliz por esta interação que, num crescente, põe o outro pra dentro do coração da gente, e esse presente é como pequeno raio de sol a dar vida e movimento à amizade. Que bom que vc entrou e se instalou, aconchegada no carinho que um grupo de pessoas queridas desfruta, como nós!

Fiquei feliz por poder te oferecer este carinho.
Bjos, querida, e obrigada pelo teu olhar que me torna naquilo que me vê - melhor do que sou!

Denise disse...

Oi Norma, é gostoso mimar nossos afetos, né?
Vc faz isso muito bem!

Bom fds, um beijo!

Denise disse...

Magos entendem de caixas mágicas...e eu acabei de saber que não dou conta das palavras pra te comentar...
- embasbaquei
- emocionei
- adorei

só não chorei!

Beijo seu bruxo danado (de bom e querido) , que me cativa!

Denise disse...

Obrigada, Ivana, certamente será, já é, e compartilha isso com a gente!

Beijos