“Planto flores no caminho para que não me faltem as

borboletas. Foram elas que me ensinaram que o casulo

não é o fim. É o começo."

Day Anne


5 de dez de 2011

Desejo que tenhamos muita coragem!!





‎"Ser sensível nesse mundo requer muita coragem. Muita. Todo dia.
Esse jeito de ver além dos olhos, de ouvir além dos ouvidos, de sentir a textura do sentimento alheio, tão clara, no próprio coração. Essa sensação, às vezes, de ser estrangeiro e não saber falar o idioma local, de ser meio ET, uma espécie de sobrevivente de uma civilização extinta.
Essa intensidade toda em tempo de ternura minguada. Esse amor tão vívido em terra em que a maioria parece se assustar mais com o afeto do que com a indelicadeza. Esse cuidado espontâneo com os outros. Essa vontade tão pura de que ninguém sofra por nada. Esse melindre de ferir por saber, com nitidez, como dói ser ferido.

Ser sensível nesse mundo requer muita coragem. Muita. Todo dia."

Ana Jácomo

*Imagem e texto recebidos das minhas queridas Zizi e Tere, respectivamente.
Obrigada, amores!

26 comentários:

Silvana Alves disse...

belo texto...beijos

Bloguinho da Zizi disse...

A gratidão é minha, sempre.
Tecer parte das tuas ideias me faz feliz, ainda mais com parceria da nossa amadinha Tere.
Vamos, com coragem, manter a nossa sensibilidade, pra sentir com o coração tudo que a vida está nos dizendo.
Beijinhos De

Leonel disse...

Se cada um se colocasse em imaginação no lugar de quem está passando por uma experiência negativa ou dolorosa, acredito que evitaria causar dor ou sofrimento a outra pessoa.
Antigamente, isto se chamava "amar ao próximo como a si mesmo" e, como hoje, muito citado e pouco praticado...
Gostei muito da frase lá em cima, sobre pães e ideias...
Abraços!

R. R. Barcellos disse...

Por medo de ser ferido
Eu me vesti de espinhos
Sem ter porém percebido
Que afastava teus carinhos;
Mas vou despir a couraça
E voltar a quem me abraça
Partilhando teus caminhos.

Beijos.

manuel marques disse...

"Há a coragem física que se chama robustez, e há a coragem moral que se chama fortaleza. De uma a outra vai a distância de um homem."

Beijo meu minha querida.

Cacá - José Cláudio disse...

Ser sensível está se tornando antes de tudo um desafio nesse mundo de tanta disputa sem sentido. Mas é dos desafios mais enobrecedores e grandiosos. PS: é o segundo texto que leio hoje da Ana Jácomo. Acabo de ler outro sobre gratidão lá no blog da Smareis. Lindos ambos. Vou lá procurar pela página dela. Grande abraço, Denise. Paz e bem.

Regina Rozenbaum disse...

Coragem...Cor_agem...Agir com o coração! E nesse mundo, onde cada vez mais incentiva-se o raciocínio rápido, a razão como forma de tomadas de decisões precisas, fica-se sentindo uma estranha no ninho...Aí me vem sempre a tal "inteligência emocional" perseguida e acabo me sentindo A burra!Comigo tem jeito mais nauuummm...rsrs
Beijuuss, lindona, n.a.

Luma Rosa disse...

Como é verdadeiro esse texto!! As pessoas te taxam de boba porque se sensibiliza com as coisas do mundo e se você tenta ajudar, é louca.

Você sabe que a Ana Jácomo tem um blogue? Tudo lindo lá!!

Boa semana! Beijus,

Milene Lima disse...

Se existe perfeição, essa imagem a representa. Linda!

E o texto, adorei, concordei. Sigo assim, então, inventando em mim uma coragem em ser sensível.

Beijos, ex-loira.

Ivana disse...

Considero um presente(lindo) receber esse texto e imagem, toca o coração. Que seu dia seja bem tranquilo, um abraço.

She disse...

Minha Linda! Que post excelente! Passo para te desejar um feliz Natal, que ele seja cheio de amor, antes do Ano Novo eu volto! ;)
Beijo, beijo e carinhos!
She

Toninhobira disse...

Viver este lindo desejo de não ferir,é muito vasto e profundo,que faz o coração florir de belas vontades e alegrias que alicerçam cada dia amiga.
Linda foto e otimo pensar.
Um abração terno de paz e luz.
Bju.

Cacá - José Cláudio disse...

Oi, Denise, Desejo que descanse bastante e tenha um excelente final de semana. Grande abraço. Paz e bem.

Denise disse...

Oi Silvana, obrigada,
bjo

Denise disse...

Sempre Zizi, tentar manter essa conexão entre almas, e conosco mesmas...a alegria é minha por compartilhar a vida com vcs.
Um abraço recheado de carinho!

Denise disse...

Oi Leonel, colocar-se no lugar do outro é uma experiência que ensina muito...que nos faz mudar, de atitudes e de visão de mundo...

A frase é muito reveladora e verdadeira, né meu amigo?
Um grande abraço!

Denise disse...

Que coisa mais linda, Rodolfo!
Triste, mas terno...adoro partilhar os caminhos contigo!!

Um beijo, Mago querido!

Denise disse...

O tamanho da gente pode ser multiplicado pelas ações de amor, né Manuel, amigo querido...um abraço do tamanho do meu carinho por ti!

Denise disse...

Oi Cacá, vi que encontrou o blog da Ana, é particularmente um lugar que adoro visitar, suas reflexões são profundas, consistentes, lições imprescindíveis...

Um abraço cheio de paz!

Denise disse...

Rê, tu não tem nada de burra...rs...prestenção mulé!

Mas é fato, incentiva-se a objetividade, a praticidade, e vê0-se triunfar a racionalidade...abstenho-me de cálculos frios, estimulo a sensibilidade!
Bjo, amada minha!

Denise disse...

Oi Luma, sei sim e acompanho o blog dela há bastante tempo, ADORO!
Apesar do incentivo, rebelde que sou, desobedeço e ADORO tb...rsrs

Bjão, querida!

Denise disse...

Oi Mi...demorei tanto pra vir aqui que já tô loira de novo...rsrsrrsrs

Invente-se com essa ternura agridoce que apaixona a gente, é uma delícia de que não abro mão!
Bjos, moça querida!

Denise disse...

Oi Ivana, pois foi por sentir o mesmo que os compartilhei com vcs, amigos queridos que são, que bom que gostou!

Bjão!

Denise disse...

Obrigada She, desejo que td que envia com tanto carinho, te seja dado em dobro nestas festas que virão.

Bjo, bjo!

Denise disse...

Oi Toninho, a gente acaba aprendendo e passa a desejar fazer diferente, pq não dá pra voltar no tempo...nem sempre a gente consegue, mas toda intenção já é um gesto...

Outro abraço, meu amigo!

Denise disse...

Oi Cacá, vc não faz ideia da loucura dos últimos dias, uma quinzena repleta de atividades e emoções, agora com a mala quase na porta, reunindo as forças pra viajar...rs...e comemorar estar por aqui...
Abraço forte!