“Planto flores no caminho para que não me faltem as

borboletas. Foram elas que me ensinaram que o casulo

não é o fim. É o começo."

Day Anne


15 de jan de 2011

O que temos na vida?

A bagagem, na despedida, cabe num espaço chamado "vida", onde cada momento a fez valer a pena de ser vivida!!




14 comentários:

Malu disse...

Denise, acredito que quando temos AMOR e ESPERANÇA no coração conseguimos trilhar um caminho de PAZ e FELICIDADES...
Um grande abraço, menina!

Regina Rozenbaum disse...

Temos o hoje, esse instante fugaz que dedilho o teclado... e por mais que saibamos disso escorregamos, buscando garantias, pelo amanhã. Na poética música Pais e Filhos há o alerta. E a gente? Bem, nós vamos vivendo como se não houvesse amanhã!
Beijuuss - minha irmigamada - n.c.

Tais Luso de Carvalho disse...

Oi, Denise, não acho lindo um vídeo desses... É tão difícil lidar com a ideia da morte! Penso que ninguém está preparado para isso. Não estamos preparados para um ponto final: deixar os nossos, deixar o mundo, deixar a vida... Tão difícil, amiga! A gente pensa tantas coisas... Mas não quero dizer com isso que, de vez em quando, não devemos repensar nossas atitudes. Acho que embora seja triste, sempre fica algo.

meu carinho, beijos.
Tais luso

Macá disse...

Denise
Que lindo! Arrepiou.....
E a gente se esquece disso de vez em quando não? (não sei se é de vez em quando, acho até que é na maior parte do tempo).
Vou tentar me lembrar sempre de "Viver cada minuto", e bem.
bjs

Cantinho She disse...

Oi querida Dê, fiquei muito feliz ao ver que vc vai participar de minha festa... Ebaaaaaaa! E obrigada pelas palavras tão gentis... ;)
Beijo, beijo!
She

JOE ANT disse...

"O que temos na Vida?"
...
Muito pior do que tudo aquilo que temos na morte. Morte é libertação,
é vida eterna, é espírito voador e zelador.
Na maioria das tribos africanas, quando nasce uma criança, há choros e lágrimas, pois todos sabem que se vem a este mundo normalmente para sofrer.
Pelo óbito, com-se, bebe-se, canta-se, festeja-se a libertação ods pecados do mundo e deste mundo doloroso. Também se chora, mas com um misto de alegria e saudade.
E honras lhes sejam dadas, pois acho que eles é que estão certos.

Rejane-Enajer disse...

Amigaaaaaa...estou de volta viu? vim te visitar para avisar e deixar um xero no coração e me presenteei encontrando este video .Que maravilha de texto heim?!
Um bjao linda !!

Denise disse...

Oi Malu, concordo contigo, podemos cultivar o que quisermos, mas o amor é a essência que determina nosso ser, possibilitando que tantos outros sentimentos se manifestem e possamos desenvolver aptidões que nos propiciem estados emocionais felizes.

Outro abraço pra vc!

Denise disse...

Pois é, Rê, minha amiga querida...contamos com o agora, esta parcela de tempo do qual fazemos nosso chão...caminhar por esta estrada chamada vida, requer novos dias, ainda que vivamos como se não houvesse um amanhã...
Bjãozão!!!

Denise disse...

Oi Tais, com certeza a beleza está nessa noção de que podemos repensar - mudar e alterar o rumo...
É fato que associamos a morta à um momento natural e de evolução espiritual - crença é o leme que orienta essa viagem - é um aprendizado para a grande maioria de nós, que não temos a mesma visão dos povos orientais, por exemplo. Entretanto, percebo um movimento contínuo nessa direção, e acho que um novo conceito nos ajuda transpor a perda...é um processo...

Carinho recebido, agradecido e retribuído!!
Beijos!

Denise disse...

Oi Macá, legal tua observação, eu tb acho que esquecemos de pensar no que é mais essencial, e praticar no dia-a-dia sua importância fundamental.

Gostei de te encontrar aqui, que bom...
Beijos!!

Denise disse...

She, vc me seduziu com o tema...rsrsrs

Foi muito gostoso participar, adorei!!
Bjosss

Denise disse...

A cultura oferece possibilidades de reflexão, não é Joe?
Penso que a liberdade de crermos naquilo com que simpatizamos ou mais nos identificamos, é um dos fundamentos da existência.

Denise disse...

Oiiiiii Re(jane), coisa boa vc de volta...amei!!

Achei interessante compartilhar - e permitir que cada um refletisse sobre aquilo que acredita...

Um beijo e seja bem-Re-vinda!!