“Planto flores no caminho para que não me faltem as

borboletas. Foram elas que me ensinaram que o casulo

não é o fim. É o começo."

Day Anne


16 de mar de 2010

Osho

Steve Hanks

"O amor é a fragrância de um coração silencioso"


8 comentários:

manuel marques disse...

Amar bem é amar loucamente ...

Beijos.

Denise disse...

...no silêncio, talvez não haja loucura...mas só se ama completamente, enlouquecendo de amor?

Beijos

Enajer disse...

Denise , só agora pude vir te agradecer pelo selinho que vc me presenteou.Muito, muito obrigada viu? você é muito gentil.
Um grande abraço!!

"A amizade virtual,
é fecundada com o coração,
adubada pela alma
e regada pelo carinho."

Denise disse...

Voltando de teu Blog, Rejane, trago a emoção de tuas palavras tão generosas...te respondi lá, te agradeço novamente aqui...beijo grande!!

Mari disse...

Vim te avisar que tem um selinho pra você lá no Cantinho!
Beijo

Denise disse...

Oi, Mari.
Obrigada pelo presente. Vou buscar!!
Bjos, querida!

Tais Luso disse...

Denise querida: é tão fácil amar quando se está imbuído de carinho, de desprendimentos, quando se é solidário e amigo; quando conseguimos perdoar – o que não é fácil. É ótimo amar quando temos confiança no companheiro e quando queremos amar sem medirmos ou compararmos coisa alguma. Acho que sendo assim, o coração está preparado para amar em silêncio.E em paz.

Meu carinho, amiga.
Tais luso

Denise disse...

Tais, grata pelas observações que só contribuem para complementar a idéia aqui exposta, um recorte de um ensinamento precioso de Osho.

É fundamental amar sem medida, sem condição, sem censura ou comparação. É um amor completo, nascido no querer. Esse é aquele que encharca a gente de emoção, e deixa em paz qualquer coração.

Adorei tua visita.
Bjos!