“Planto flores no caminho para que não me faltem as

borboletas. Foram elas que me ensinaram que o casulo

não é o fim. É o começo."

Day Anne


31 de out de 2008

(Minhas) rosas...



As rosas têm cheiro e têm cor

Vão desde o champanhe da minha pele

Até a cor rosa do amor!

♥ Denise

4 comentários:

Mone disse...

Lindo, sensível e sútil p falar de vida ( amor nada mais é q vida pura).
beijOcas SuperDe D+!

♥ Denise Araujo ♥ disse...

Eu só pus em palavras um sentimento (lindo) que ouvi...nem sei se fui fiel na reprodução, mas as palavras pularam do teclado com tanta decisão que, suponho, foram ditadas por aquele coração...

♥ Denise Araujo ♥ disse...

Dez dias depois delas ganharem água fresca e cuidado extra, foram perdendo o viço dentro do tempo...a pele foi se retirando primeiro, mas o amor...ah! o amor! resistente se mantém mais tempo, altaneiro!!

Persistente, pulsa vigorosamente!!

♥ Denise ♥ disse...

Os espinhos fazem parte da rosa, protegem-na dos predadores, mas não lhe roubam a beleza ou impedem o perfume.

É assim na vida...

E PRA DIZER QUE NÃO FALEI DAS FLORES...caminhando e cantando e seguindo a canção (...) os amores na mente, as flores no chão...a certeza na frente, a história na mão..caminhando e cantando e seguindo a canção...aprendendo e ensinando uma nova lição!!