“Planto flores no caminho para que não me faltem as

borboletas. Foram elas que me ensinaram que o casulo

não é o fim. É o começo."

Day Anne


10 de dez de 2007

Muito Estranho


Mas se um dia eu chegar muito estranho
Deixa essa água no corpo lembrar nosso banho
Mas se um dia eu chegar muito louco
Deixa essa noite saber que um dia foi pouco
Cuida bem de mim...
Então misture tudo dentro de nós
Porque ninguém vai dormir nosso sonho...
Minha cara pra que tantos planos
Se quero te amar e te amar e te amar
Muitos anos...
Quantas vezes eu quis ficar solto
Como se fosse uma lua a brincar no teu rosto
Cuida bem de mim
Então misture tudo dentro de nós
Porque ninguém vai dormir nosso sonho...


♥ Dalto e Cláudo Rabello

Nenhum comentário: