“Planto flores no caminho para que não me faltem as

borboletas. Foram elas que me ensinaram que o casulo

não é o fim. É o começo."

Day Anne


7 de mar de 2012

CONVITE





A gente olha pra vida e, muitas vezes, a enxerga pequena, vazia, inerte, estacionada, involuída, estagnada num cotidiano engessado e inexpressivo.
Olha, vê e sente que faltam coisas para torna-la melhor, mais agradável, mais comprometida, menos medíocre, extra_ordinária...

Tá, concordar com isso basta? Adianta? Modifica alguma coisa? Te faz sentir melhor?
Se a resposta foi "não" para todas ou algumas destas questões, que tal reinventar maneiras para sacudir essa poeira, trazer oxigênio para a relação eu e a vida?
Entre hoje e amanhã, existe alguma coisa, nem que seja uma coisiquinha qualquer que você possa fazer pra alguém, por alguém, pensando em alguém, inspirado em alguém, incentivando alguém?

Se existe, bora fazer?? Não precisa relatar, nem aqui se comprometer, você pode optar por postar, vir aqui compartilhar, fazer deste convite uma campanha - por que não? - ampliando uma ação simples que tende a trazer como retorno uma satisfação nova, surpresas agradáveis, e, o melhor de tudo, pensando em agradar a alguém, descobrir-se agraciado, feliz!
Talvez possamos começar por aquele gesto que estava guardado esperando pelo momento certo...

Deixo meu beijo e o desejo de que esta ideia se multiplique, dando vazão a novos pensares, a atitudes em direção às mudanças que queremos ver no [nosso] mundo...

50 comentários:

R. R. Barcellos disse...

Esse convite, querida,
Sem erreessevepê
É pra uma nova vida
Com onde, como e por quê.


E só não botei o "quando"
Pra não estragar o metro;
E assim a trova que mando
Fica mais ou menos retro...

Beijos.

Ivana disse...

Que proposta bonita! Gostaria muito de participar, tomara que eu tenha inspiração para escrever sobre o assunto,caso não consiga vou procurar um texto pertinente a sua proposta.O SELO a gente leva para postar junto com o texto?
Vamos difundir sua proposta e outras que possam ajudar a todos, e também estaremos nos ajudando. Um abraço!

Sueli Gallacci disse...

Denise!

Que delicadeza de texto! Parece um doce daqueles que faz a gente salivar e desejar devorá-lo sem demora! rsrs

É isso aí, amiga! Quando a vida está nos parecendo vazia, é só olhar ao redor e ver quantas coisas existem para torná-la mais significativa. Um simples gesto de carinho a quem nem espera... Levar um brinquedo a uma criança carente, uma torta de morangos bem vermelhos... E depois, sermos agraciados com aquele brilho nos olhos. Isso não tem preço!

Existem mil coisas que podemos fazer que não custa quase nada. Basta querermos e termos a iniciativa, não esperar a oportunidade.

Um beijo enorme! Saudade de ler teus textos.
Sueli Gallacci

Ma Ferreira disse...

Denise... tenho te observado..rs

As vezes visitamos os blogues e
acabamos por ler os comentários.
E confesso que sempre que leio os seus e peso: tai uma mulher sensata.
Não somos tão proximas...mas saiba que eu admiro muito vc.
E lendo este teu texto digo..
Ja passei por tantas fazes na vida.
Desde criança....
Mas passei em alguns testes em outros não.
Teve um momento que eu, apesar de ter tudo ( marido, filha, casa..enfim ),
,me sentia num buraco. E sem forças para me levantar.
Boicotava a terapia..chegava atrasada de propósito.
Mas a coisa chegou a tal ponto que ou eu tomava uma atitude séria de comprometimento comigo ou me afundava de vez,
Tava triste..infeliz... a cula era do mundo.

Ai um dia eu disse....chega.

Mudei de terapeuta, procurei um trabalho voluntario, fui fazer curso de ceramica e me encontrei no Brahma kumaris. La encontrei varias respostas.
E tudo que eu procurava estava dentro de mim e eu não sabia.
Um dia meu psicologo me perguntou:
O que vc procura, Eu disse, paz.
Ele disse....ela esta dentro de voce. Não fora.
Foi ai que caiu a ficha.
Por mais que não seja facil, temos que dar o primeiro passo.
As vezes esse primeiro passou esta em termos mais fé em nós mesmo.
Me emploguei...rs desculpa..

Um beijo Denise,

Ivana disse...

Denise,
Passando para deixar um abraço pelo Dia Internacional da Mulher, você é um exemplo de mulher, de profissional, de ser humano. Bjs

Maria José Rezende disse...

Olá amiga. Parabéns pelo dia de hoje. Você é uma mulher especial. Beijos.

Marilu disse...

Querida amiga, PARABENS MULHER !!! Não pelo oito de março, nem pelo beijo e pelo abraço, nem pelo cheiro e pelo amasso. Mas por ser o que és... Humus da humanidade, Raiz da sensibilidade, Tronco da multiplicidade, Folhas da serenidade, Flores da fertilidade, Frutos da Eternidade... Essência da natureza humana.
Parabéns a todas nós mulheres. Beijocas

Cristina disse...

Que lindo...as vezes achamos mesmo que a vida está monótona, sem graça, e como você diz basta uma ação, as vezes uma coisa pequena, um olhar para o outro e a vida ganha novamente cor, esperança. Vou me empenhar em ser mais paciente, em ver os que caminham comigo com outros olhos, os da alma. Obrigada por compartilhar essa idéia! E parabéns pelo seu dia, você que é uma mulher tão inteligente e de fibra! Um grande abraço!

Milene Lima disse...

Instintivamente, hoje eu bem tentei. Mas talvez não tenha usado o argumento certo pra fazer alguém numa inexplicável crise de choro, parar de chorar, ou lhe deixar chorar no meu ombro, enfim.

O fato é que a gente fica querendo pegar a pessoa no colo e garantir que tudo vai ficar melhor, mesmo, no íntimo, cultivando alguma dúvida a esse respeito.

Ideia bacaninha, querida Denise, lôra mais linda.

Beijo!

♫*Isa Mar disse...

Oi Denise, beleza de texto, a mudança começa em nós, então mãos á obra.
Reinventar a vida é uma das melhores coisas, fazer de um jeito novo,enfim...
Obrigada pelo comentário, sempre vejo as postagens dos blogs que sigo pelo Reader, e vi a sua e guardei, pois é bem assim que penso rsss
Que bom podermos sempre encontrar textos maravilhosos e inspiração pra escrever.
Beijos e bom fim de semana pra ti!

Leonel disse...

Alô, Denise!
Eu sempre procuro fazer a minha boa ação diária, quando não vejo nada muito significativo para fazer, procuro então não atrapalhar ninguém.
Por aqui, só posso lhe deixar minhas palavras de apoio pela sugestão.
Uma boa iniciativa, esta sua.
Abraços!

✿ chica disse...

Vi na Ivana e achei linda tua idéia.Parabéns!beijos,chica O mundo precisa de boas sementes sempre!

Ilaine disse...

Denise, querida!
Obrigada pela visita. Fiquei muito feliz. Você sempre será bem vinda em minha casa.

Amei tudo aqui.
Lindo o seu blog.

Beijo no coração

pensandoemfamilia disse...

Oi querida
Este é um excelente convite para sair da imobilidade, junto-me a vc nesta proposta. Pequenos gestos fazem a diferença.
Bom final de semana.
bjs

Zé Carlos disse...

Denise, obrigado pela visita e por nos oferecer Blogs tão lindos e úteis. Bom domingo e beijão do ZC

Cores da Vida... disse...

Oi Denise,

E é verdade, quando olhamos para (ou fazemos) outras coisas diferentes do nosso dia a dia, o efeito logo se vem, uma sensação de renovação...

Concordo com você...

Beijos,
Ana Lúcia.

Luma Rosa disse...

Denise, estou sempre sacudindo a poeira para que não se torne uma lama endurecida, difícil de ser removida.
Atitudes pequenas, sem alarde e grandiosidade, já mudam o cotidiano, o nosso sentir. Para cada pessoa existe uma satisfação, para outras, nada satisfaz!
Boa semana!! Beijus,

RUTE disse...

Olá Denise,
venho do blog da Norma, da coletiva Formas de Amar.

Não vim antes porque pensei que você fosse outra Denise que conheço e que visito.

Estou neste momento descobrindo seu blog e procurando entender a blogagem que você nos propõe. Como é que vai funcionar o "Tecendo Ideias"?

Beijinhos além-mar.
Rute

Cores da Vida... disse...

Oi Denise,

Fazendo bem aos outros, estaremos sempre fazendo bem a nós mesmos...

Beijos e bom final de semana.
Aguardo a sua visita...
Ana Lúcia (Cores da Vida...)

Zilani Célia disse...

OIDENISE!
ACHEI ESTE TEU TEXTO UMA PROPOSTA DE UM NOVO PENSAR E SE COMPORTAR FRENTE A VIDA E AS PESSOAS QUE NOS CERCAM PARA TORNAR NOSSO VIVER MELHOR.
ABRÇS
Zilanicelia.blogspot.com
Click AQUI

Regina Rozenbaum disse...

Lindona minha, veio bem em cheio essa postagem: sementes de mudanças. Em tempos que dizem que fui colocada do avesso (pela espiritualidade) pra encontrar o verdadeiro direito meu/nosso, há que se esperar esse florescer. Rê_aparecendo devagar...lentamente, com a amorosidade-ajuda de cada um de vocês e DELES, é claro. AMOTE irmiga!
Beijuuss n.a.

Maria disse...

Excelente minha amiga, as mudanças que queremos ver no futuro, têm de partir de nós próprios. Devemos repensar as nossas atitudes e tentar melhorar o que está menos bem, já é um passo para a mudança que queremos ver.
Bom fim de semana
Beijinhos
Maria

Maria José Rezende disse...

Olá amiga Denise. Lindo o que escreveu. O que nos dá força na vida, esperança é exatamente o que podemos fazer de diferente entre "hoje e amanhã". Beijos.

Nina disse...

Oi Denise, vim agradecer pelo lindo e gostoso comentário na Norma. Me senti abracada pelas tuas palavras. De coracao, obrigada.

Sobre tua postagem, bom, posso te dizer que vc ja fez algo por alguem: eu ;-)

E eu vou repassar, podexá!
Um bj grande e bom domingo

Sueli Gallacci disse...

Denise!

Mil vezes parabéns pelos seus textos claros e precisos! Vc coloca em palavras seu coração generoso.

Amei o seu 'convite', isso me mostra claramente o quanto vc é uma pessoa linda e humana e que se preocupa com seus semelhantes...

Tudo que vc escreveu me tocou profundamente, pois muitas vezes fiz uma auto avaliação do quanto minha vida estaria vazia, estagnada de objetivos... Andei até pesquisando sobre o assunto e descobri que muitas mulheres se sentem assim numa certa idade, mais precisamente quando os filhos começam a sair de casa.

Isso foge um pouco do seu texto, mas peguei um 'gancho' pra tocar nesse assunto e dizer que, nós, mulheres nessa nova fase da vida, podemos melhor aproveitar de todos os momentos e prazeres simples que talvez antes nos passassem despercebidos, até por falta de tempo.

Podemos, por exemplo, seguir seu conselho de fazer alguma coisa, nem que seja uma coisiquinha qualquer por alguém, pensando em alguém, inspirado em alguém, incentivando alguém... Se fizermos disso uma constante nas nossas vidas seremos recompensadas com uma vida extra_ordinária...

Bjo grande amiga!

Denise disse...

Pois é, Rodolfo, quando a gente para um instante, avalia o que tem, o que quer e o que faz....muda!

Tua trova tão bonita- mais uma! - mostra que a gente só precisa se comprometer consigo mesmo, o resto é conseqüência.

Beijos, meu Mago querido, que a vida tenha sempre novos onde, como e por quês!

Denise disse...

Tua participação Ivana, foi uma iniciativa muito bonita, que repercute entre os amigos do Reservas, que semeiam em outros lugares, não importando quantas, mas o quanto cada semente produz!
Obrigada pela adesão, minha amiga, fico feliz que te tenha tocado, achei lindo o texto que escolheu - saiba que tuas semeaduras têm sido muito bonitas, a colheita certamente te renderá belos frutos!

Um beijo pra vc!

Denise disse...

Adorei te reencontrar aqui, e é isso né Suel, coisas tão pequenas, gestos tão simples, atitudes que envolvem o querer, frutos do observar - de cuidados e atenções que gostamos tanto de receber, e nem sempre aprendemos a dar...que bom que dá pra reinventar a vida, né amiga?

Eu sou apaixonada pela tua maneira de escrever, passo pro lado de lá e quase te ouço....rs...adoro!!

Um grande e afetuoso abraço!

Denise disse...

Desculpar vc, Ma????? mas se eu a-do-rei!!!!....rs

Pois é, enquanto culpamos o mundo, não precisamos fazer nada - só lamentar a má sorte, responsabilizar pessoas, achar desculpa e alimentar a auto-comiseração. Mas um dia a ficha cai, e com ela, vão embora todas as muletas que amparavam a falta de iniciativa, de comprometimento, de coragem para olhar pra tudo que a gente desconstrói...e chega a hora de encarar os testes em que reprovamos, as tentativas que nem fizemos, as besteiras que custam tão alto que nem sabemos se um dia pagaremos. Mas por sorte, somos essa eterna re_construção, essa busca que não cessa, essa necessidade de acertar - por isso mudamos, para obtermos resultados diferentes, para encontrarmos o que procuramos e embora eu esteja longe dessa sensatez que vc menciona, posso te afirmar que a cada vez que meus joelhos tocaram o chão, foi para encontrar um melhor caminho, procurando entender o que aprendi com cada decepção, com as frustrações, as decisões equivocadas, enfim...acho que sou grata por tudo e por todos, pq de alguma maneira, todos somos inscritos nas vidas que cruzamos, então há de ter uma razão forte para isso!

Fiquei feliz que tua empolgação te trouxe mais pra perto de mim, um aceno, um gesto de aproximação adorável
Obrigada pelo olhar generoso que tem, me transformando em uma pessoa muito melhor do que sou...um grande e afetuoso abraço, Ma!!

Denise disse...

Ivana,

depois de tantos dias da data, tuas palavras ficam ainda mais destacadas, e eu te agradeço o exagero de carinho que elas contém...a não ser que queira olhar-se nesse espelho que te faço refletir!

Um beijo, querida!

Denise disse...

Maria José, VOCÊ é uma mulher muito especial, admiravelmente especial - e não me canso de repetir a admiração que sinto pela tua coragem e poder de superação.

Um grande abraço, com imenso carinho!

Denise disse...

Marilu, todos os dias presentes a sensibilidade, a natureza que nos faz tão humanas e merecedoras de homenagens - de todos que nos cercam e são importantes me nossas vidas.

Retribuo o carinho com um forte e carinhoso abraço!

Denise disse...

De fibra, Cris, é vc quem melhor entende, e por essa razão recebe flores, mimos e abraços com carinho daqueles que se importam, te admiram e querem bem!

Tão pouco pode modificar muito nosso dia, nossas vidas...um beijo, querida!

Denise disse...

Importante mesmo, Mi_nina querida, é tentar, fazer nossa parte e aproveitar o que recebemos de chance para mudar. A maioria das grandes mudanças acontecem diante de eventos complexos, situações difíceis, inesperadas, traumáticas...mas, um conjunto de pequenos gestos mudam uma vida!

Beijo da lôra, com todo meu bem-querer!

Denise disse...

A troca Isa, é uma inspiração infalível, por isso sempre compartilho o que me chama atenção ou sensibiliza...quase sempre "serve"pra mim e muitas pessoas que passam por aqui...

Gostei muito de te encontrar, beijo feliz por tua presença amiga!

Denise disse...

Pois é Leonel, cresci ouvindo que "ajuda muito quem não atrapalha"...mas penso que a gente sempre encontra uma coisinha que seja, basta querer, observar, sentir.

Gosto muito das tuas visitas, um grande e afetuoso abraço pra ti!

Denise disse...

Que bom Chica, uma sementinha que foi daqui pra lá, e que pode viajar pelo mundo....de mão me mão, semeando mudanças!! Que legal!

Um beijo!

Denise disse...

Da mesma forma Ilaine, venha sempre que desejar, é uma alegria fazer novos amigos e ter boa companhia!

Outro beijo!

Denise disse...

A união reforça uma ideia, Norma, vamos em frente, obrigada pela presença sempre amiga!
Abraço forte!

Denise disse...

Prazer em recebe-lo ZCarlos, anda sumido...

Um bjo

Denise disse...

Renovar a ação, não é Ana Lúcia? Devagar fui aprendendo que para obter resultados diferentes, eu teria que ter atitudes diferentes - enquanto percebia que elas nem precisam ser grandes, pq o efeito maior viria com a qualidade do que fazemos....a mudança brusca não costuma se sustentar, a que se consolida é fruto de um conjunto de coisas entrelaçadas...a vida é uma teia...

Um beijo, querida!

Denise disse...

Luma, que interessante..."para cada pessoa existe uma satisfação, para outras, nada satisfaz! "...que verdade esta, e se a gente permitir que nos contaminem, pouco fazemos, temendo desagradar ou tempo perder...

Adorei!!!
Que bom ter vc aqui...um beijo!

Denise disse...

Oi Rute, sinta-se me casa e recebida com alegria e carinho!

Então, na verdade o convite foi feito com a intenção de que despertemos para enxergarmos algumas coisas simples, que podem trazer pequenas, mas constantes mudanças - tornando o existir algo mais amplo e prazeroso do que apenas viver...ou ainda, provocar o desconforto que sentimos fora da nossa zona de conforto, repetindo os mesmos comportamentos, mesmo se infelizes, insatisfeitos, tristes...

Por isso mencionei que era desnecessário compartilhar - mas que seria bem-vinda a troca de ideias, ou, para quem desejasse, manifestar opinião, fazer sugestões, contar seus pequenos gestos...o convite continua, pq toda mudança precisa de tempo e liberdade para acontecer...obrigada pelo interesse e visita, venha sempre que desejar!
Um beijo soprado para além mar...

Denise disse...

Aninha, penso como vc...pq o inverso é verdadeiro, e as lições da vida servem para nos mostrar onde podemos/devemos mudar....

Vou tomar um café com vc, tá bom?
Bjosssss

Denise disse...

Oi Zilani, a ideia é essa, buscar na gente a transformação que desejamos ver no mundo...
Obrigada pela visita!
Um abração!

Denise disse...

Rê, que seja no teu tempo, e que o direito seja o reflexo das mudanças, minha amada...de todas elas, pequenas e grandes, alicerces de nosso viver...vc faz falta por aqui...nem todos têm a sorte de privar da tua companhia....gratidão por isso tb, queridona!

Bjãozão e um abraço beeeemmmmm grande, pra te acarinhar bastaaaaante!!!

Denise disse...

Minha amiga Maria, vc sintetizou a ideia!
É isso, e olhar para o "menos bom"é ter um olhar amoroso consigo mesmo - adorei!!!

Um beijo, querida!

Denise disse...

Penso como vc Maria José, a vida ensina com resultados - então a diferença está nas novas atitudes, e as mudanças são conseqüências...

Fico sempre feliz quando te encontro!
Um beijo!

Denise disse...

Ai Nina, que delícia!!! E vc retribui, fazendo por mim, obrigada pela troca, querida!

Adorei te encontrar lá na Norma, e amei tua participação!
Um beijo!

Denise disse...

Agradeço tua generosidade Sueli, eu - e acho que todos nós - tento melhorar, mudar o rumo, dar novos passos, redimir-me, escolher de novo, olhar para a frente desejando fazer melhor o meu amanhã....e tantas vezes me frustro pq nem sempre encontro os meios...com o tempo a gente aprende que as tais mudanças não vêm prontas, e querer mudar não basta, mas é essencial, o ponto de partida.
Porém, o grandioso nem sempre é o melhor resultado, muitas vezes um sorriso salva o dia da gente, uma palavra conforta, uma flor enternece, um abraço emociona.... e muitas vezes isso tudo está tão disponível e nem vemos...acho que nesse texto, eu "pensei em voz alta"....rs...mas percebo que o sussurro se expandiu e isso me alegra....

Um beijo pra vc, feliz com tua atenção e carinho!