“Planto flores no caminho para que não me faltem as

borboletas. Foram elas que me ensinaram que o casulo

não é o fim. É o começo."

Day Anne


17 de jun de 2011




“A verdade que você acredita e se apega, faz com que você seja incapaz de ouvir qualquer coisa nova.”

Pema Chödröm


22 comentários:

R. R. Barcellos disse...

- A única verdade absoluta é que não há verdades absolutas. A matéria, a vida, o espírito são fluidos, mutáveis, flexíveis. Não mudam de forma abrupta, mas sofrem evolução constante. Não fosse isso, seria impossível distinguir passado, presente e futuro.
- Devo a você, minha amiga, esse momento de reflexão. Obrigado. Beijos.

Cantinho She disse...

Caramba Dê!!! Sensacional! Me fez pensar... ;)
Bjbj minha querida e excelente fds pra vc!
She

manuel marques disse...

E cada um acredita, facilmente, no que teme e no que deseja.

Beijo meu .

Bom fim de semana querida Denise.

Denise disse...

Não Rodolfo, querido...me trouxe vc mais elementos pra refletir. Então, partilhamos, estamos juntos nessa, ok?

A maior das maravilhas humanas, talvez seja, a mutação. A insconstância que permite constante mudanças. Essa fluidez nos permite ir em direção de sonhos, revisar a vida, mudar de direção, escolher tantas vezes quanto as necessárias para "acertar"

Beijo grato pela tua presença constante que me permite esse novo olhar, diante de cada verso que cria e semeia - cada ponderação e ideia que esvazia meu pretenso saber e amplia os conhecimentos.

Denise disse...

A mim tb, She - eterna curiosa e ser pensante de suas livres sensações...e misérias...rs
Bjossss

Denise disse...

Olha outra versão que permite novo olhar sob a mesma ideia - ou sentimento...

Obrigada Manuel, amigo querido, tua permanência neste cantinho e no coração são sementes de boas reflexões - e muita alegria e ternura.
Bjo imenso

Ma Ferreira disse...

Denise..bacana este post... ..

Cada um tem sua verdade sem que nenhuma delas seja inverdade.
Cada um tem um experiencia de vida.. e 'e nesta construcao diaria, que se faz a verdade de cada um.
Cada ser 'e a soma do que viveu...e mesmo colocando-nos no lugar da outra pessoa, nunca vamos saber o que realmente ela sente.
Por isso.. a verdade nunca 'e absoluta, e quem acredita que 'e, vive na escuridao, se fecha no seu mundico, deixando de crescer e de aprender..,
vivendo na sua miopia.

bj

Ma

Rogerio Rinaldi e Glorinha Rinaldi disse...

Adoramos o seu blog,maravilhoso muito bem feito,já estamos seguindo.
Glorinha e Rogerio Rinaldi
Criadores do brinco Look do dia.
http://sbrincos.blogspot.com
bjs.

Milene Lima disse...

Meus ouvidos tantas vezes moucos, se abrem afoitos para as verdades incontestáveis. Mas eu não acredito nelas e sigo buscando.

Beijo, Denise...Moça reflexiva.
Rsrs...

Jorge Pimenta disse...

... até porque o mundo é um caleidoscópio que diz e desvenda não apenas pelo olhar, mas também pelo que foca.
um beijinho, querida denise!

Denise disse...

Uma grande verdade Ma, a gente cal;ca o sapato do outro, e pode achar que entende os sentimentos e aflições da pessoa, mas aquele momento, mesmo sendo a soma do que já se viveu, é resultado de inúmeros outros, que não dá sequer pra imaginar como aconteceram, e trouxe até o presente. Cada um sabe de si, e a vida ensina tanto que aprendemos a não menosprezar os sentimentos de ninguém...

Um ótimo domingo, sem verdade absoluta - até pq não existe - mas com absoluta alegria de viver!
Bjos

Denise disse...

Rogerio e Glorinha, bem-vindos ao Tecendo, grata pelas palavras gentis , são bom incentivo para caprichar ainda mais.
Um grande abraço,

Denise disse...

Ah, Mi...eu sou, e isso, bem dosado, é bom. Não tem lugar melhor para encontrar respostas do que em si...né messsss, moça querida??

Bom domingo, bjo carinhoso procê!

Denise disse...

Ah Jorge, teu olhar é um farol que ajuda a ver caminhos alternativos...adorei!

Bjo feliz pela tua visita, um lindo domingo querido!

Depois dos 25,,, disse...

Essa é boa, repassando no twitter!

Beijos

Cacá - José Cláudio disse...

Por isso que eu não descolo da busca por conhecimentos. Sempre. Um ótimo dia, Denise. Paz e bem.

Rô... disse...

oi Denise,
saudades,

vir aqui nesses quatro meses,
é ser mais feliz,
mais humana,
e mais Rô,
é me deliciar com suas palavras,
e ter vontade de voltar rapidinho,

obrigada pelos
quatro meses
do Somente amor...

beijinhos

Denise disse...

Oi Fláva, legal que vc gostou e compartilhou.
Bjo

Denise disse...

Tô nessa tb Cacá - além do treino difícil do desapego.
Uma ótima semana, paz e bem, amigo querido.

Denise disse...

Que gostoso esse carinho Rô, adorei. Tua presença é uma alegria aqui tb.
Bjos e uma semana feliz pra nós todos!

C. disse...

A imagem é bem forte, tal qual os ideias que nos apegamos e as vezes nos aprisionam...

Denise disse...

Como são fortes as crenças que instalamos, os conceitos que construímos. E por parecerem difíceis de serem desconstruídos, assombram nossas vidas. Viram impedimentos, obstáculos paralizantes. Até que tomemos coragem de mexer na estrutura dessa edificação, e, arquitetos de nossas vidas, traçamos engenhosamente, novos sustentáculos para nossa obra maior...