“Planto flores no caminho para que não me faltem as

borboletas. Foram elas que me ensinaram que o casulo

não é o fim. É o começo."

Day Anne


13 de jun de 2011

Liberdade




“Um ser livre é aquele que reconhece, alimenta, usa e expressa seu potencial. São pessoas despertas, que resolveram parar de culpar, reclamar e dar desculpas. São pessoas que assumiram totalmente sua responsabilidade e tem uma atitude de gratidão a cada passo. São descontraídos mas não se acomodam em zonas de conforto ou preguiça. Além de serem pacíficos e de possuírem força espiritual, pessoas livres vão além das crenças que limitam seu potencial para crescer e brilhar.”


16 comentários:

manuel marques disse...

"Não há liberdade minha se os outros a não têm."

Beijo meu.

Cores da Vida... disse...

É por isso que concordo que reclamar é, de fato, um atraso.

Denise, obrigada pela ajuda. Você é uma pessoa generosa. Deixei um comentário para você, lá mesmo.

Beijos e uma boa semana, com afeto,
Ana Lúcia.

Mafia Sonora disse...

Espero um dia ser totalmente livre também.

Cantinho She disse...

Adorei! Bjbj

Wanderley Elian Lima disse...

Forte e real essa afirmativa. Amei.
Bjux

R. R. Barcellos disse...

- Liberdade... independência... interdependência... a minha sabedoria não alcança esses conceitos. Só meu coração os compreende. Só minha alma os percebe.
- Abraços, moça.

Bloguinho da Zizi disse...

Meu caminho é longo, muito longo.

Gilmara Wolkartt disse...

Seu blog é lindo!
Gdbeijo

Denise disse...

Liberdade é conquista, não é mesmo, Manuel?

Beijos, amigo querido.

Denise disse...

Ana Lúcia, querida...quando a gente sente carinho e tem suficiente intimidade para se colocar, muitas vezes contribui. Fico feliz se aconteceu.

Uma linda semana para todos nós.
Beijo com afeto.

Denise disse...

Clayton...será que conseguimos, totalmente?

Desejo que faça boas escolhas, meu amigo - para chegar lá!
Bjo

Denise disse...

Bom te encontrar aqui She!
Bjo, queridona.

Denise disse...

Concordo Wanderley. Forte.
É preciso despertar...
Bjo

Denise disse...

E haveria de ser outros olhos, que não os perceptivos - da alma?

Beijos, meu amigo poeta, Mago e querido.

Denise disse...

Posso seguir contigo, Zi?
A caminhada é longa, tb pra mim, irmiga.
Bjo enorme!

Denise disse...

Gilmara, seja muito bem-vinda ao Tecendo.
Quero que sinta-se acolhida com carinho e alegria.

Um beijo de boas-vindas!