“Planto flores no caminho para que não me faltem as

borboletas. Foram elas que me ensinaram que o casulo

não é o fim. É o começo."

Day Anne


5 de abr de 2011


"Tudo que deixarmos ir, se for realmente importante
e bom para nós, voltará!"

Taddeu Vargas

10 comentários:

Rô... disse...

olá Denise...

simples e recheado de verdade...
o que é nosso sempre estará ao alcance de nossas mãos...

beijinhos...

Denise disse...

Eu acredito que se fazemos por merecer, Rô, (re)conquistamos, mas é essencial que compreendamos que, nesta sentença, existe um fator importante em evidência...

Beijo

manuel marques disse...

Há uma hora de partida mesmo quando não há lugar certo para ir.

Beijo meu minha querida.

ValeriaC disse...

Ótima frase do nosso amigo Taddeu...verdade absoluta...
Beijinhos e doce tarde querida...
Valéria

Denise disse...

...podendo seguir em direção oposta ao desejo original, o que pode gerar a volta, pelo encontro de verdades desconhecidas.

Beijo retribuído, querido Manuel!

Denise disse...

Ele é mestre com as palavras, não é Valéria?
Como ele, eu também creio nisto.

Bons sonhos, bjo com carinho, feliz pela visita!

Regina Rozenbaum disse...

Êita lelê rsrs Que o retorno seja realmente bom e de importância. O resto bem, o resto é fica sem retorno...bem longe.
Beijuus, lindona, n.a.

Marilu disse...

Querida amiga, essa é a única forma de amar....dar liberdade. Beijocas

Denise disse...

Quando há retorno, irmiga, festeja-se a liberdade de escolher voltar, mas acima de tudo, reconhece-se o que nunca terminou...quanto ao resto, não cabe mesmo na bagagem que acompanha o regresso.

Aqui, esse pensamento é uma lindeza, não achou queridona??

Bjãozão

Denise disse...

O amor precisa de espaço pra existir, né Marilu? concordo com vc.

Um bjo