“Planto flores no caminho para que não me faltem as

borboletas. Foram elas que me ensinaram que o casulo

não é o fim. É o começo."

Day Anne


25 de jul de 2010

Trem da vida




A mensagem não é desconhecida de muitos de nós, e mesmo para estes, vale relembrar. Quem não conhece, pode igualmente desfrutar desta profunda reflexão.

Uma semana abençoada para todos nós!

E uma boa viagem...
para dentro de si mesmo(a)!





2 comentários:

Ivana disse...

Olá Denise,

Quando sofremos muitas perdas, nos fechamos para a vida, para as pessoas, para os amigos e para o amor, como dessa forma estamos livre do sofrimento.Cedo ou tarde vamos perceber a solidão que nós mesmos criamos. Essa viagem está sendo única para mim, pois ao meu lado está você, Não importa em que estação desceremos, mas sim o que vamos compartilhar na viagem.Um abraço!

Denise disse...

Meu Deus, Ivana, que coisa mais linda, minha querida!!
Nem sei o que dizer. 'Te gosto' será que é suficiente?!!

Beijo enorme, sempre com os olhos à frente, né amiga, que é onde está a próxima estação. Pode ser a última, então, tratemos de fazer a travessia sem tantas certezas, e com maior boa vontade.