“Planto flores no caminho para que não me faltem as

borboletas. Foram elas que me ensinaram que o casulo

não é o fim. É o começo."

Day Anne


14 de jul de 2010

Espiritualidade


"Procure não pensar muito. Não fale muito também. Apenas mantenha seus sentimentos puros e veja como as coisas acontecem de uma forma maravilhosa e como Deus faz tudo acontecer. O poder do silêncio capacita você a experimentar profunda doçura e espiritualidade. O poder da espiritualidade torna tudo fácil. Quando tudo está acontecendo facilmente, você recebe cooperação de todos. E todos experimentam felicidade."
Dadi Janki

20 comentários:

Ivana disse...

Olá minha querida,

Seria essa a resposta para minha pergunta? Mesmo não sendo, serviu como resposta. Aqui está chovendo e estou muito feliz, precisamos muito de chuva, estava tudo muito seco e triste, agora o ar mudou e com ele nós também mudamos. Um grande Beijo!

Ivy disse...

Bastante reflexivo...

Não falar muito, já consigo. Mas não pensar!? isso é difícil, acho que tenho que fazer meditação pra aprender a esvaziar minha mente... rss

Sem dúvida o poder do silêncio é salutar, já li um livro com esse nome,
muito bom, por sinal... recomendo!

De, mais uma vez, obrigada pelo mimo. Já o postei, depois passa lá pra ver...

Bjs, amiga, que Deus esteja sempre contigo fazendo só coisas maravilhosas acontecerem.

Excetente dia pra ti.

Barbie Girl disse...

Que profundo, lindo d+!!

Bom, mas o principal motivo da minha visita, é que vim convidá-la a participar do 1º sorteio do meu cantinho!!

Espero você!

beijos

Isa mar disse...

Oi Denise, com toda certeza, quando a atitude é nobre o Universo conspira a nosso favor
Beijos de luz pra você!

manuel marques disse...

Muito bonito.

Beijo.

ValériaC disse...

Amei estas palavras...tão verdadeiras...são coisas que prezo tanto...o silêncio, a serenidade...faz um bem imenso à alma...traz equilíbrio pra vida...

Beijinhos em seu doce coração...
Valéria

Paula Betzold disse...

lindo e profundo texto! adorei

Denise disse...

Ivana, querida, que bom que a vida está sendo hidratada pela chuva, que são gotas de esperança caídas do céu na terra sedenta. Tudo germina na natureza e no coração, desde o astral que melhora até as emoções, revigoradas, não é minha amiga?
Se respondeu tua pergunta, que bom...mas vou complementar em seguida conforme combinado, tá bom?...rs

Bjo grande, querida.

Denise disse...

Oi Ivy, vou sim, estava sem tempo pra visitar todo mundo...rs

Olha, aquietar a mente é uma meta alta, mas com a prática meditativa, acaba ficando mais fácil substituir o tumulto dos diálogos internos intermináveis...rs...pelo silêncio cheio de informações(contraditório??...rs)

Posso atestar o que afirmo, pq minha mente é tagarela, há dias em que preciso ameaçá-la pôr de joelhos no milho...rsrsrs

Obrigada, minha querida, pelo carinho de tuas palavras, que Ele esteja sempre conosco, guiando-nos os passos.
Beijão!!

Denise disse...

Oi, Cíntia, obrigada pelo convite, vou lá ver, sim.

Bjos

Denise disse...

Oi Isa.

Sabe, várias vezes eu ouvi que o universo é um sistema infinitamente inteligente, e eu creio nisso, sim - assim como entendo o silêncio interno como o maior aliado que temos. Assim entramos em contato com o que somos de mais puro - a essência.
Bjos, querida!

Denise disse...

Pq imensamente verdadeiro, né Manuel?

Beijos.

Denise disse...

Equilíbrio, uma conquista e tanto, né Valéria?

A serenidade favorece o aquietar da mente, o aprofundar dos sentidos e sentimentos. E isso, certamente, faz um enorme bem à alma, né amiga?
Beijo GRANDE!

Denise disse...

Oi Paulinha!!! e eu adorei te ver aqui!!

Bjinho, minha flor!

ⓣⓔⓡⓔⓢⓐ ⓒⓡⓘⓢⓣⓘⓝⓐ disse...

Oiee!
Slenciar....ainda estou tentando....não tá fácil, mas persistindo um dia chego lá.
Adorei a reflexão.
Bjss♥

Cida disse...

Ás vezes, é só através do silêncio, que a gente consegue se ouvir.

Beijo grande amigavó

Cid@

Denise disse...

Atingimos todos os objetivos a que nos propomos, não é Teresa? este faz parte dos difíceis, mas já sabemos que o treino ajuda, logo...

Bjos, amiga!

Denise disse...

Pois é Cida, no início a gente identifica muito ruído no silêncio - como se fora um grilo falante, conversamos sem parar com nossos botões - até que a magia do silêncio revela outros sons...depois destas experiências, ficamos reféns do encanto, e outras conversas dominam o silêncio...

Beijos, um ótimo dia, amigavó!

Dra. Denise disse...

Querida xará, aqui como sempre é um bom lugar de visitar...adoro! Obrigada pelo comentário no Pense Saúde...o que disse é verdade! Rs...
Qto ao selinho, qual é? Como fazer? Quero muito, mas preciso aprender essas coisinhas!
Beijos nutritivos!

Denise disse...

Oi Denise. Que bom que veio.
Teu selinho ficou guardado...rs

É fácil, clique e o leve com vc!
Mimo

Basta seguir as regrinhas, ok?
Bjos, xará!!