“Planto flores no caminho para que não me faltem as

borboletas. Foram elas que me ensinaram que o casulo

não é o fim. É o começo."

Day Anne


4 de jan de 2010

Devaneios de um Marujo


Selo para o blog.
Difundir Saint Germain merece destaque.
O mimo é um gesto de louvor ao Mestre!
"O Ser Violeta" é definição do autor do blog,
o carinh é meu...

3 comentários:

Adelia Ester disse...

Denise, como você bem sabe: "nada ocorre por caso"! Este post é mais um sinal disto. Beijo.

Denise disse...

Com toda certeza!!
Ele comanda, MESMO!!...rs
Beijo

Taddeu Vargas disse...

Na primeira vez do encontro com o Mestre, tua timidez espiritual a fez olhar com desconfiança para aquele folhoso, de cor dourada, sobre o criado mudo do eleito por teu coração.
Não sabias então, que daquele roto alfarrábio pulariam palavras e conceitos que inundariam teu coração, alterando para sempre teu rumo, teu foco, teu prumo.
Ao receber esse presente, dedico-o a você, que soube que destino dar aos passos, dirigindo-os à luz daquele abajur, sob o qual o Mestre te aguardava.
Eu, talvez seja apenas o guardião do templo onde fostes te encontrar com Ele, requisitado pelo Mestre para servir de mestre...de cerimônias. Da cerimônia de iniciação de um ser de luz que buscava sua origem, no meio das escuras e confusas aparências humanas. Que bom te ver tão ambientada com Ele, foi assim que eu sonhei!
Um beijo carinhoso.