“Planto flores no caminho para que não me faltem as

borboletas. Foram elas que me ensinaram que o casulo

não é o fim. É o começo."

Day Anne


31 de out de 2009

Clarice LIspector


"Os fatos são sonoros, mas entre os fatos há um sussurro.
É o sussurro o que me impressiona".

Clarice Lispector

30 de out de 2009

Selo

Primeiro selo!

Todo presente que vem das mãos de quem amamos, tem um valor especial.
Este mimo carinhoso veio das mãos amorosas da Maria Tereza, minha irmã de alma, do Blog Despertando na Luz. Agrega ainda a alegria de ser o primeiro selo que meu blog recebe.
Obrigada pelo carinho, Tere!!!
Acesse e entenda porque estou sempre aprendendo e bebendo a ternura e a Luz que existe nesse lugar:


SELO DESPERTANDO NA LUZ

Este Selo foi criado para retribuir o carinho recebido da especial Tere...


26 de out de 2009

Voltaire


























"A beleza
agrada aos olhos,
mas é a doçura
das ações
que encanta a alma."

* Mensagem recebida da Tere

As amarras...

Os grilhões que nos prendem são criados por nós mesmos, na cegueira que impede que seja visto o que necessitamos; no engano que providencia o postergar da caminhada.
As amarras são tênues certezas que parecem intocáveis, mas, quando identificadas suas frágeis convicções, desatam os nós e libertam o coração.
Está preso aquele que quer permanecer ancorado onde está, mesmo que signifique o adiamento da vida. Ou porque neste instante, é tudo o que pode haver, pois até a libertação pode ser perigosa...
O laço que prende o grilhão é o medo. O elo que produz a corrente que aprisiona. Porque o amor liberta...o amor por si mesmo, pelo outro...

25 de out de 2009

Martha Medeiros


"Não vive quem se economiza."

Eu acredito que...


O que se passa dentro de um coração é tão íntimo
que ninguém tem acesso,
ainda que tenha permissão!

Victor Frankl

"Se você tem um porquê, então pode suportar todos os comos. "

23 de out de 2009


Desejo é realização antecipada...
(Cristianne)


Dalai Lama


"A essência de toda a vida espiritual é a emoção que existe dentro de você...."


* Essa delícia de imagem foi mandada pela Tere.

22 de out de 2009

Brian Weiss

"É sempre seguro amar completamente, sem reservas. Nunca seremos verdadeiramente rejeitados. É só quando nos deixamos envolver pelo ego que nos tornamos vulneráveis e nos machucamos. O amor em si é absoluto e abrangente."

* O "kit" todo recebido da Tere
O nascer da manhã se desenha habitado pela presença do canto de alguns pássaros solidários...morre, afinal, a noite que recepciona este novo dia!

21 de out de 2009


Se exagerássemos em nossas alegrias como fazemos em nossas perdas, nossos problemas perderiam toda sua importância.


A autoria é desconhecida, mas genial...

Hoje não quero chorar. Escolho fixar o olhar no fictício piscar de uma estrela-guia.
Hoje não quero olhar para trás. Escolho firmar o passo neste caminho novo, que parece, no entanto, ter o cheiro e todo o jeito de ser meu velho e querido conhecido.
Hoje não quero lamentar. Escolho abrir fendas secretas para fundo nelas depositar o tesouro que só eu possuo.
Hoje não quero pensar. Escolho debruçar-me no sentir, absorver a essência de minha alma que é toda sentimentos.
Hoje só quero me deixar ficar na total sintonia com esse silenciar interno, o olhar grudado na estrela que me guiará.
Hoje, eu escolho aceitar. Sei perfeitamente de onde vem essa paz.
Por isso, não vou chorar...

Steven Hayes

"As artimanhas que usamos para escapar da aflição nos desviam de nossos objetivos de vida.E é por eles que vale a pena viver.”


19 de out de 2009

M. Ferguson


"Que haja transformação, e que comece comigo."

Péricles

"O que você deixa para trás não é o que é gravado em monumentos de pedra, mas o que é tecido nas vidas de outros."

Platão


"A paz do coração é o paraíso dos homens."

Tere

"A natureza não dá saltos,
nós também não.
Tudo o que precisamos saber vem a seu tempo,
enquanto aceitamos o momento presente, como tal."


São eles que sopram o amor pelo mundo, então...sempre desconfiei desses seres celestiais...rs

Voar Sempre



Passamos uma vida presos,
qual pássaros em suas gaiolas!

Medo de amar, de olhar a vida de frente...
E, naquele pequeno espaço,
cantamos nossas dores e sonhos!

Muitas vezes, as portas de nossas gaiolas se abrem...
Mas permanecemos ali, acostumados,
encolhidos as nossas vontades e sonhos!

Não tenha dúvida amigo,
à primeira oportunidade,
deve alçar o vôo dos falcões,
calma, confiante, determinada!
Ame sem medo,
brinque um pouco com a vida !
Não tenha medo dos rochedos e
sobre eles,estenda a sua asa
corajosa de falcões!
Solte-se ao vento,
e deixe-na,levá-la ao sonho!

Como o Condor,
tente enxergar as pequeninas
coisas a sua volta e saber apreciá-las,
dando um sentido novo a sua vida !
Não seja passarinho de gaiola,
mas, Falcões e Condores do céu !
A cada dia existe uma renovação constante,
e nunca um será como o outro...
Não há dores eternas,
lágrimas eternas, perdas eternas!
Há sorrisos,
esperando-lhe,
dias de sol, o abraço dos amigos,dos filhos e tantos sonhos lindos !

Um amor lhe espera,para com você, voar...voar ...
Porque a vida é um recomeçar diário de um vôo!

E, gaiolas não foram feitas para pássaros...
Tão pouco para Falcões !

(Desconheço o Autor)


Tagore


Que é isto que aperta meu peito?
Minha alma quer sair para o infinito ou
a alma do mundo quer entrar em meu coração?"

Deepak Chopra

"Dentro de ti existe um silêncio e um santuário para o qual tu te podes retirar em qualquer altura e seres tu próprio. Este santuário é a simples consciência do bem estar, do conforto, que não pode ser violado pelo tumulto dos acontecimentos. Este espaço não sente traumas nem acumula sofrimentos. É o espaço mental curativo que se encontra, ou procura encontrar-se, na meditação.”

* Mensagem enviada por Tere, Anjo amigo sempre presente...

18 de out de 2009



"Muitos acreditam que é o amor que cresce, mas é o conhecimento que cresce, e o amor simplesmente se expande para contê-lo. O amor é simplesmente a pele do conhecimento."
William Young



Confio em Ti!

17 de out de 2009

"Certa vez ouvi uma história sobre duas pessoas que possuiam sonhos tão parecidos, que as duas pareciam ser uma só..."


*Autoria não informada

Hermann Hesse




"Só há felicidade se não exigirmos nada do amanhã e aceitarmos do hoje, com gratidão, o que nos trouxer. A hora mágica chega sempre."

15 de out de 2009

Cassio Junqueira


"É preciso tranqüilidade pra amar, senão a gente se perde, se perde do outro, se perde da gente."

*Reflexão sugerida por Tere em seu blog





PARA MANIFESTAR O AMOR VERDADEIRO, É ESSENCIAL ELIMINAR O APEGO.
O amor verdadeiro provém do amor divino, da misericórdia búdica, e está no âmago do ser humano desde o princípio. Para manifestá-lo, é imprescindível eliminar o apego. Apegar-se é ficar preso a algo ou alguém, o que implica perda da liberdade mental, e impede a manifestação do amor verdadeiro e da sabedoria inerentes à essência do ser humano.
Do livro Viver com Alegria – Seicho Taniguchi



Psicólogo também é gente






"Pois fica decretado a partir de hoje,
que terapeuta é gente também.
Sofre, chora, ama e sente
e, às vezes, precisa falar.
O olhar atento,
o ouvido aberto,
escutando a tristeza do outro,
quando, às vezes, a tristeza
maior está dentro do seu peito.
Quanto a mim,
fico triste, fico alegre
e sinto raiva também.
Sou de carne e sou de osso
e quero que você saiba isto de mim.
E agora, que já sabes que sou gente,
quer falar de você para mim?"

♥ Cyro Martins, psiquiatra gaúcho

14 de out de 2009

Recordar...é viver?!


O tempo pára quando as emoções dominam o cenário, os sentidos alertas apreendem as lembranças que regressam, póstumas, cheias de uma saudade órfã de amparo, refugiadas nas entranhas do ser...sem pátria, sem chão. Moram amontoadas, migradas fundo no coração.

13 de out de 2009

Passado, a profusão das cores vividas.
Inocência, a pureza não corrompida.
Oração, a entrega do coração.

Melancolia, é quando a gente não sabe mais o tamanho da tristeza.

Sonhos, asas coloridas do desejo.

*Imagem: presente da Tere.

Saber, a busca incansável do SER.
Carícia, o veludo que reveste o gesto de amor.
Calma, sopro de vida na agonia.

Súplica, é quando a alma se põe de joelhos...
Apelo, penúltima instância...
Equilíbrio, o desafio proposto pelo desassossego.
Quietude, o assombro da surpresa.

Angústia, uma armadilha que rouba a paz.
Desespero, é quando a alma sai de dentro da gente.

Despedida, rascunho da tristeza que vai chegar.


Sabedoria, a luz que atravessa o espírito cansado.
Futuro, lugar que ainda não existe.