“Planto flores no caminho para que não me faltem as

borboletas. Foram elas que me ensinaram que o casulo

não é o fim. É o começo."

Day Anne


6 de abr de 2009

Rubem Alves





Somos assim...
Sonhamos o vôo, mas tememos as alturas...
Para voar, é preciso ter coragem para enfrentar o terror do vazio...

Porque é só no vazio que o vôo acontece.
O vazio é o espaço da liberdade,
a ausência de certezas,
mas é isto que tememos: o não ter certezas.

Por isso trocamos o vôo por gaiolas.
As gaiolas são o lugar onde as certezas moram.

Nenhum comentário: