“Planto flores no caminho para que não me faltem as

borboletas. Foram elas que me ensinaram que o casulo

não é o fim. É o começo."

Day Anne


22 de mai de 2015

Meu quarto neto!


Os pares de sapato são das crianças! 

E ele está a caminho, o quarto menino que vai se aconchegar neste coração de avó - já bem treinado a amar sem medida - e com nova emoção acolherá a mais um neto pra tomar conta de vez deste coração que se expande a cada novo pedacinho de mim que chega!!
Brincando, digo que agora terei uma quadrilha... rsrs ... mas será um quarteto bonito porque guardará suas individualidades e a intimidade de cada um com esta avó que dá acesso livre ao seu coração, acolhendo sem mistérios cada um destes milagres que faz da vida uma aventura feliz demais!
Já anseio pelo teu rostinho conhecer, teu corpinho banhar, teu choro acalmar, teu sono velar, tuas mãozinhas pequenas segurar. Sei que logo minha voz você vai reconhecer e que teus olhos sorrirão quando me vir chegar. Sei que seremos grandes amigos, que muitos dengos, beijos e abraços vamos trocar. Vamos trocar a noite pelo dia, transformar em uma linda magia os momentos em que juntos vamos viver.  Sei que o meu colo será o balanço gostoso, meus braços um porto seguro e minhas histórias vão te ninar. Sei também que vai correr em minha direção, que abrirá a boquinha pra comidinha que a vovó fará com amor, vamos ter festa na escolinha, bolo com velinhas pra soprar, brincadeiras no tapete da sala, bola no corredor e cabeças juntinhas no travesseiro naquele soninho de um domingo preguiçoso, que vai custar pra passar – graças a Deus!
Sei ainda que um dia você crescerá tanto que vou ter que olhar pro alto pra te enxergar, mas por mais que tuas pernas te levem pra longe pra teus sonhos alcançar, nunca, nunca mesmo, nosso amor há de faltar!
Te espero com a alegria de quem já antecipa tua chegada porque conhece esse encontro, porque bem sabe sobre esse amor, porque falta você meu neto querido pra acontecer a explosão completa em meu mundo de amor, um mundo azul onde vai rabiscar o teu nome, fazendo do céu o limite pra esta avó apaixonada pelo quarteto mais precioso desta vida.

Amo você, bebezinho!